Acesso Rápido

Pombal e Soure procuram solução para tratamento de águas residuais

Pombal e Soure procuram solução para tratamento de águas residuais

 

O tratamento das águas residuais da Redinha e de alguns aglomerados de zona de fronteira a norte da freguesia da Redinha/bacia do Anços deverá ser discutido entre os presidentes das câmaras de Pombal e Soure. O objetivo é encontrar uma solução técnica e económica que satisfaça os dois Municípios.

A revelação foi feita pelo Presidente da Câmara de Pombal após uma visita de trabalho que o Executivo realizou à freguesia da Redinha. Segundo Diogo Mateus a opção municipal é a de “deixar de utilizar o rio Anços como destino final de todos os efluentes domésticos que são produzidos nesta bacia hidrográfica”.

“Estamos a trabalhar numa solução que aponte para o reenvio de todos os efluentes domésticos, de toda a rede de saneamento, para a ETAR de Almagreira”, permitindo “aumentar o número de populações servidas pela rede e rentabilizar os investimentos já efetuados”, explicou o Presidente da Câmara.

Segundo Diogo Mateus a solução a implementar e que deverá passar pela construção de uma estação elevatória, que assegure o envio das águas residuais para Almagreira, deverá ser técnica e economicamente mais vantajosa para o Município e, permitirá eliminar a atual ETAR (Estação de Tratamento de Águas Residuais) da Redinha.

“Vamos continuar a trabalhar em conjunto com o Município de Soure e ajustar em detalhe esta solução”, concluiu o Presidente da Câmara.



A sua opinião conta!

Envie as suas sugestões, reclamações, ideias, projetos. Entraremos em contacto consigo o mais rápido possível.

Enviar
X