Acesso Rápido

Plano de Desenvolvimento Turístico aponta Pombal como destino de excelência

Plano de Desenvolvimento Turístico aponta Pombal como destino de excelência

Pombal deverá posicionar-se como um destino de excelência, alicerçado na natureza, história, cultura e tradição, capaz de potenciar uma oferta dinâmica e diferenciadora, adaptada a públicos que privilegiam a sustentabilidade, a autenticidade e a qualidade da experiência turística. Esta é uma das conclusões do Plano de Desenvolvimento Turístico de Pombal que se encontra em consulta pública.

O Plano elaborado pela SPI – Sociedade Portuguesa de Inovação constitui-se como um documento estratégico e orientador da atuação dos agentes públicos e privados do setor para incrementar a atratividade do concelho de Pombal enquanto destino turístico. Iniciado em finais de 2019, o trabalho realizado distribuiu-se por diversas fases, incluindo a realização de workshops temáticos envolvendo os vários atores locais, públicos e privados, como autarcas, operadores turísticos, associações, instituições, entre outros.

O documento considera como produtos turísticos prioritários aqueles que correspondem aos produtos centrais da oferta turística de Pombal, baseados nos seus recursos culturais e naturais com elevado valor distintivo e de atração e que dão resposta às principais motivações dos turistas/ visitantes e tendências do setor: História e património: castelo e núcleos tradicionais; Turismo desportivo e de competição: provas e estágios; Turismo ativo e de natureza: experiências soft e hard; Turismo de mar: naturismo e sustentabilidade; Turismo religioso: Louriçal e Caminhos de Fátima; e Turismo científico: espeleologia, geomorfologia, arqueologia e paleontologia.

Por forma a aumentar o reconhecimento e a notoriedade externa do concelho de Pombal, o Município pretende constituir e desenvolver uma marca forte e de valor, sendo relevante a definição da sua abordagem/ posicionamento no horizonte temporal do plano de desenvolvimento turístico. Deste modo, o concelho apresenta um conjunto de características singulares e identitárias que encerram o potencial de atração de turistas e visitantes. É a partir deste conjunto que serão definidos os atributos de uma marca umbrella para o território, a marca “Pombal”, a conceber aquando da implementação do Plano.

De acordo com a estratégia de desenvolvimento turístico definida, a proposta de valor do turismo em Pombal representa a diversidade e a singularidade dos elementos culturais e naturais com forte potencial de atratividade turística e a sua capacidade de diferenciação face aos destinos concorrenciais.

Até 12 de março, o Plano de Desenvolvimento Turístico encontra-se em consulta pública, estando a

Câmara Municipal a convidar todos os Pombalenses a enviar as suas apreciações, sugestões e contributos de melhoria.

Desta forma, o Executivo Municipal promove mais uma iniciativa de participação pública, permitindo a intervenção direta dos cidadãos nos procedimentos de tomada de decisão. Recorde-se que, até 28 de fevereiro, está a decorrer a auscultação pública relativa aos projetos de ampliação do parque de lazer do Vale da Sobreira (Mata Mourisca) e de construção do parque verde do Louriçal.  

Pombal, 10 de fevereiro de 2021



X